CD "Suítes do Brasil" saindo do forno!


Alô, pessoal!

Depois de uma campanha de financiamento coletivo super bem-sucedida, muitas e exaustivas sessões de ensaio, gravação e edição, mixagem, masterização, fotos, reuniões de produção, temos o prazer de informar que o novo CD da Camerata de Violões, "Suítes do Brasil", está quase chegando da fábrica! Logo estará disponível nas lojas, online e em nossos shows... Não percam os shows de lançamento, no CBM, na Cidade das Artes e no teatro Eva Herz! Fiquem atentos à nossa agenda e às novidades em nosso site e página do Facebook...

O violão, instrumento que circula nos mais variados meios musicais aproximando gerações, ganha tratamento especial no terceiro CD da Camerata de Violões – Suítes do Brasil – nos convidando a homenagear a música brasileira. O título deve-se à escolha do repertório, composto por suítes ou por obras assim organizadas pela Camerata. 

A partir das diversas possibilidades do violão, a Camerata nos apresenta: Nicanor Teixeira, um de nossos grandes mestres; Garoto, expoente das cordas brasileiras; Rogério Borda, e sua ampla experiência em compor para grupos de cordas dedilhadas; Ernesto Nazareth, pianista, considerado símbolo da síntese musical brasileira; Gaetano Galifi, dedicado violonista cujas composições trazem recursos inovadores para o instrumento.

A sonoridade de Suítes do Brasil desperta atenção aos diferentes timbres do violão, que a Camerata de Violões revela fazendo vigorar não só a melodia e os acompanhamentos, mas a polifonia das vozes, a conversa entre elas e os elementos percussivos que fazem nosso corpo pulsar em sintonia com cada música.

Suíte Nordestina foi composta por Nicanor Teixeira para quarteto de violões, e a formação em octeto da Camerata de Violões amplifica sua sonoridade. “João Benta no Forró” foi inspirada na figura icônica do exímio sanfoneiro com quem Nicanor tocava na juventude em sua cidade natal. “Procissão” retrata a influência da cultura religiosa em sua música. “Mariquinha Duas Covas” homenageia a baiana musa dos chorões de antigamente, que Nicanor conheceu lendo o texto de Alexandre Gonçalves Pinto (disponibilizamos aqui o trecho que fala de Mariquinha). A obra fica marcada na memória por seu balanço e simplicidade.

Suíte Anníbal Augusto Sardinha (Garoto), que congrega três músicas: “Carioquinha”, com arranjo de Adriano Furtado, um manso choro de desenho melódico harmonioso; “Meditação”, arranjo de Elodie Bouny, terna melodia que explora timbres e expressividade; e “Lamentos do Morro”, com arranjo de Valmyr de Oliveira, samba contagiante por sua intensa movimentação.

Suíte Solar, Suíte Solar, composição de Rogério Borda, apresenta-se em três movimentos: “Dunas”, “Ciclo do Sol”, e “Pássaros”, músicas criadas tendo como inspiração a Região dos Lagos do Rio de Janeiro.

Suíte Ernesto Nazareth reúne três composições:  “Electrica”, singela valsa bem brasileira, com arranjo de Elodie Bouny; “Tenebroso”, tortuosa melodia que convoca ao suspense, arranjada por Fábio Nin; e “Batuque”, arranjo de Artur Gouvêa, cadência marcante mesmo para os que a ouvem pela primeira vez.

Canuã, a Lenda de um Guerreiro, de Gaetano Galifi, narra, como um épico musical, o percurso do herói: “Os deuses enviam Canuã”, “Canuã torna-se guerreiro”, “Os espíritos preparam Canuã”, e “Canuã liberta seu povo”. A suíte utiliza recursos pouco usuais no violão, ampliando suas fronteiras tímbricas com um resultado sonoro surpreendente.

Além dos músicos da Camerata, a produção do CD também contou com o talento de outros profissionais que ajudaram a concretizar o projeto. São eles: Eduardo Martino (fotografia), Francis Bouny (é quem assina o belo projeto gráfico), João Ferraz (técnico de som e dono do estúdio Lontra Music, responsável pela gravação, edição e mixagem das músicas), Ricardo Dias (técnico de som do estúdio Visom Digital, foi quem masterizou o nosso disco),  Isabela Barakat (foi quem escreveu o texto do CD, que aproveitamos nesta página) e Giovanna Giffoni (integrante da editora MusAbsurda, revisora do texto  do CD)

Agradecemos aos nossos amigos, familiares e pessoas não tão próximas que de modos distintos nos apoiaram nesta conquista, e ao Conservatório Brasileiro de Música, pela generosa cessão de seu espaço. Agradecemos também a inestimável contribuição de todos os colaboradores que participaram da nossa campanha no site de financiamento coletivo, dentre os quais Almiro Zarur, Ana Maria Barquette, Lucia Laguna, Raion Veículos Peças e Serviços Ltda, Rita Mota, Paulo Cesar Santiago, Rogério Cyrillo Gomes, Conservatório de Música Mestre Vicente Angelos das Mercês – Mariana (MG).

Sua confiança e credibilidade tornaram o lançamento do Suítes do Brasil possível, assim, nós, da Camerata de Violões, somos imensamente gratos.